Oficina prepara estudantes de Jornalismo para falar sobre inovação


Falar sobre um universo que se transforma diariamente é um desafio. Compreender contextos, situar o papel de cada ator dentro do ecossistema da inovação e decodificar essa linguagem para o público necessita preparo. Por isso o WhitepaperDocs, com o apoio de Sebrae-ES, Sicoob e Fucape, está realizando a primeira Oficina de Innovation Writing.

Foram selecionados quatro estudantes de Jornalismo para participar de uma imersão nesse universo, com palestras com alguns dos principais nomes relacionados à inovação no Espírito Santo. Após esse período de preparação, eles terão a oportunidade de participar da cobertura do maior evento de inovação e tecnologia do Estado, o ES X, que será realizado de 2 a 5 de dezembro, na Praça do Papa, em Vitória, em uma jornada intensa que poderá ser acompanhada aqui no WhitepaperDocs.

O primeiro convidado foi Denis Ferrari, diretor da Azys Inovação, que explicou como funciona o fluxo da inovação, o papel de cada integrante do ecossistema da inovação e qual é a importância do jornalismo nesse universo.

“A comunicação alcança não só pessoas inseridas nesse universo, como startups, aceleradoras e investidores, mas também o público leigo. Pode ser determinante para o apoio de pessoas próximas a quem teve uma ideia para seguir adiante com ela e também para o sucesso dessa iniciativa”, comentou Denis.

Denis Ferrari, CEO da Azys Inovação, e Joanna Ferrari, editora do WhitepaperDocs, com os participantes da primeira oficina Innovation Writing: João Victor Soares, Gabriela Brito, Breno Alexandre e Andressa Antunes (Divulgação)

Felipe Valfre, CEO da InnLaw – Hub de Inovação Jurídica, considera fundamental a comunicação voltada para a inovação para que todos os atores envolvidos possam conversar. “A inovação é um ambiente diferente do tradicional. Entender como ele funciona, quais são suas necessidades e suas percepções é extremamente relevante. Quem vive da inovação consegue conviver bem com o ‘dicionário startupês’, mas é preciso se conectar com a sociedade por inteiro”, acredita.

Juliana Binda, especialista em inovação do FindesLab, fechou o ciclo de palestras ressaltando a importância da comunicação para o ecossistema de inovação do Espírito Santo. “O Estado está muito bem posicionado em estrutura de habitats de inovação e investimentos, mas não figura entre os mais conhecidos do Brasil. Falar sobre o ecossistema de inovação capixaba e mostrar as iniciativas que funcionam muito bem por aqui é determinante para incentivar a colaboração entre os atores desse universo, como startups que podem ser a solução para os desafios de outras, e atrair investimentos, além de inserir no contexto de crianças e adolescentes que é possível ter ideias e transformar, que o Espírito Santo tem estrutura para ajudar a estruturar essas empresas inovadoras, desenvolver, acelerar e orientar para investimentos”, conclui.

Antes da abertura do ES X, na Praça do Papa, os participantes da oficina irão participar das orientações sobre o planejamento da cobertura, que será realizada sob mentoria da editora do WhitepaperDocs, Joanna Ferrari.

“O Sebrae-ES, como um ator importante no ecossistema de inovação, tem um entendimento de que precisa contribuir de forma efetiva no fortalecimento desse ambiente. E um ecossistema de inovação, para ser considerado forte, precisa ter como prioridade a capacidade de formar talentos com muita competência”, acrescenta Luiz Toniato, diretor técnico do Sebrae-ES, que realiza o ES X e é um dos apoiadores da oficina Innovation Writing.


OFICINA INNOVATION WRITING – WHITEPAPER
CONHEÇA OS PARTICIPANTES

Andressa Antunes, 21 anos, estudante do 8º período de Jornalismo na Ufes
“Todo mundo vê que a inovação está ao nosso redor, mas nunca tinha parado para pensar na inovação no Jornalismo. Nós mudamos os veículos, mudamos a forma de apurar, mas pouco se fala de inovação através da nossa área. Ter uma especialização e ouvir pessoas do ramo é uma oportunidade única que pode influenciar tanto no mercado quanto na nossa técnica jornalística mesmo, para podermos ampliar os assuntos que abordamos e a forma como vamos passar isso para o público.”

Breno Alexandre, 20 anos, estudante do 6º período de Jornalismo na Ufes
“Eu lido diariamente com a inovação no meu estágio, na área de divulgação científica dos programas de pós-graduação da Ufes, e preciso entender o que as pessoas estão me dizendo para poder passar isso para quem vai ler o que eu escrevo. Estou tendo uma imersão maior no mundo da inovação e acredito que é superimportante para poder retratar da maneira correta e que seja mais acessível ao público. Minha expectativa é que a gente consiga entregar informação sobre inovação da melhor maneira para que todos possam entender.”

Gabriela Brito, 21 anos, estudante do 8º período de Jornalismo na Ufes
“Está sendo uma experiência bem interessante, é uma simbiose entre uma oportunidade para a gente se desenvolver em uma área completamente nova, com muito aprendizado, e também contribuir para um cenário muito importante, produzindo conteúdo sobre pessoas que precisam ser divulgadas, estar no radar, proporcionando algo que vai ser muito relevante para o meio.”

João Victor Soares, 21 anos, estudante do 8º período de Jornalismo na Ufes
“Minha expectativa é aprender mais sobre inovação e também ganhar mais experiência na área jornalística e em uma área com a qual eu até então não tenho contato, jornalisticamente, que é a área de inovação.”




SERVIÇO
ES X
Realização: Sebrae-ES
Data: 2 a 5 de dezembro
Horário: quinta, das 18h às 22h; sexta e sábado, das 9h às 21h; domingo, das 9h às 20h
Onde: Praça do Papa
Entrada: gratuita. Algumas atividades necessitam de inscrição antecipada
Programação completa a inscrições: http://esx2021.com.br/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.